27 de outubro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
10/03/21 às 9h03 - Atualizado em 10/03/21 às 9h03

Vacinação para quem tem 74 anos começa nesta quinta-feira (11)

COMPARTILHAR

Os idosos que têm 74 anos poderão agendar a aplicação da primeira dose da vacina que previne a covid-19 nesta quarta-feira (10), a partir das 10h. O agendamento pode ser feito no site ou pelo Disque Saúde 160, opção 6. A imunização desse novo grupo segue em paralelo ao processo que já vinha sendo realizado com os demais idosos já incluídos no programa.  A estimativa é que 10.273 pessoas na faixa etária dos 74 anos vivem no Distrito Federal.

“Esse é mais um passo importante no processo de vacinação porque precisamos buscar a imunização do público idoso, que é o que mais sofre com a covid-19”, afirmou o secretário de Saúde, Osnei Okumoto, lembrando que o Distrito Federal está à frente das outras unidades da Federação na amplitude de faixas etárias sendo vacinadas. Okumoto afirmou que a secretaria recebeu do governador Ibaneis Rocha a determinação para agilizar e ampliar ao máximo o público a ser vacinado.

A expectativa da Secretaria de Saúde é receber 27,8 mil doses da vacina CoronaVac, ainda na noite desta terça-feira (9). Metade do quantitativo recebido será reservada para a aplicação da segunda dose e 5% do conteúdo faz parte da reserva técnica.

Até o momento, a campanha de vacinação contra a covid-19 vacinou 157.364 pessoas com a primeira dose (D1) e 59.426 (D2) com a segunda dose. De acordo com o informativo técnico da Secretaria de Saúde, a maior parte dos vacinados é de mulheres, com mais de 60% dos imunizados com as duas doses.

A maioria da população vacinada procurou os pontos de imunização nas asas Sul e Norte.

Do público com 74 anos, a estimativa populacional, por Região de Saúde, de acordo com a Companhia de Planejamento do Distrito Federal, é a seguinte:

– 2.389 pessoas na Região de Saúde Sudoeste;
– 2.278 pessoas na Região de Saúde Central;
– 1.760 pessoas na Região de Saúde Oeste;
– 1.280 pessoas na Região de Saúde Centro-Sul
– 1.083 pessoas na Região de Saúde Norte;
– 896 pessoas na Região de Saúde Sul;
– 587 pessoas na Região de Saúde Leste.

Importância da vacinação

O papel da vacina no organismo é estimular a produção de anticorpos que são capazes de frear a infecção ou prevenir formas graves da doença. O imunizante também pode ajudar a evitar hospitalizações sem que as pessoas sofram com a doença e suas sequelas.

A infectologista do Hospital Regional da Asa Norte (Hran) Joana D’Arc Gonçalves explica que as medidas de distanciamento social e o uso de máscara aliados à vacinação são essenciais para frear a transmissão do coronavírus. “Por meio da vacina vamos interromper o ciclo de transmissão e o ritmo de contágio será cada vez menor. Quanto mais pessoas vacinarem, menor a circulação viral. Para ter a imunidade de rebanho é necessário ter 80% da população vacinada. Ainda há um longo caminho a percorrer para termos essa imunidade de rebanho”, destaca.

Drive-thrus

O atendimento pelos drive-thrus será exclusivo para quem fez agendamento. Nas unidades básicas de saúde (UBSs), que oferecem a vacina, o atendimento será por agendamento e também para quem não conseguiu agendar. A Secretaria de Saúde reforça a importância de se fazer marcação para que se evite filas e aglomerações. A pasta esclarece que há vacinas para todo o público contemplado nessa etapa de vacinação.

 

*Com informações da Secretaria de Saúde

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros